Pronomes pessoais do caso reto

Os pronomes pessoais do caso reto são os pronomes pessoais que, nas orações, funcionam sempre como sujeito do verbo. Podem também assumir a função de predicativo do sujeito.

Os pronomes do caso reto são:

  • eu;
  • tu (você);
  • ele, ela;
  • nós;
  • vós (vocês);
  • eles, elas.

Os pronomes pessoais do caso reto são os elementos-chaves na construção de um discurso ou diálogo. Isso porque eles são palavras que substituem e representam as pessoas do discurso.

As pessoas do discurso (ou pessoas gramaticais) são três:

O locutor (a pessoa que fala)1ª pessoa do discurso: eu (no singular) e nós (no plural)
O interlocutor (a pessoa com quem se fala)2ª pessoa do discurso: tu/você (singular) e vós/vocês (plural)
O assunto (do que ou de quem se fala)3ª pessoa do discurso: ele/ela (singular) e eles/elas (plural)

Exemplos com os pronomes pessoais do caso reto

  • Eu fiz uma caminhada de cinco quilômetros.
  • Você já escreveu a sua redação?
  • Ele não gosta de comer doces.
  • Nós viajaremos amanhã.
  • Vocês não medem as consequências dos seus atos.
  • Eles estão correndo há horas.

Uso dos pronomes do caso reto

É muito comum que na linguagem corrente os pronomes pessoais do caso reto sejam omitidos nas frases. Isso ocorre pelo fato de que é possível identificar o pronome pela desinência verbal.

Assim, para evitar-se repetições desnecessárias, pode ocorrer a omissão do pronome pessoal do caso reto nos enunciados.

  • Ganhei muitos presentes. (pronome omitido: eu)
  • Jogou fora todos os cadernos da faculdade. (pronome omitido: ele/ela)
  • Passeamos muito pela praia. (pronome omitido: nós)

Pronomes do caso reto como predicativo do sujeito

Nos predicados nominais, os pronomes pessoais do caso reto podem assumir a função de predicativo do sujeito.

Nesses casos, haverá sempre um verbo de ligação que irá concordar com o pronome pessoal reto que desempenha a função de predicativo.

  • A ganhadora sou eu.
  • A ganhadora é ela.