Pronomes demonstrativos

Os pronomes demonstrativos indicam o lugar, a posição ou a identidade dos seres em relação às três pessoas do discurso, podendo situá-los no espaço, no tempo ou no próprio texto.

Os pronomes demonstrativos podem ser variáveis ou invariáveis:

Variáveiseste(s), esta(s), esse(s), essa(s), aquele(s), aquela(s)
Invariáveisisto, isso, aquilo

As formas variáveis podem funcionar como pronomes adjetivos e como pronomes substantivos. Enquanto que as formas invariáveis funcionam apenas como pronomes substantivos.

Os pronomes demonstrativos podem combinar-se com as preposições de e em, tomando as seguintes formas: deste, desta, disto; neste, nesta, nisto; desse, dessa, disso; nesse, nessa, nisso; daquele, daquela, daquilo; naquele, naquela, naquilo.

Valores gerais dos pronomes demonstrativos

Os pronomes demonstrativos podem situar os termos aos quais se referem no tempo, no espaço e no discurso.

Quanto ao tempo e ao espaço os valores básicos dessas formas pronominais para a pessoa que fala ou escreve são os seguintes:

Este, esta e isto

Os demonstrativos este, esta e isto indicam:

  • o que está perto da pessoa que fala:
    • Esta casa estará cheia de flores!
    • Estas são as minhas roupas.
  • o tempo presente em relação à pessoa que fala:
    • Esta tarde estarei muito ocupado.
    • Neste momento, há diversas atividades acontecendo pela cidade.

Esse, essa e isso

Os pronomes demonstrativos esse, essa e isso indicam:

  • o que está perto da pessoa a quem se fala:
    • Que susto você me deu, entrando aqui com essa cara de alma do outro mundo!
    • Essas tuas palavras, ditas sem pensar, magoam as pessoas que se importam contigo.
  • o tempo passado ou futuro com relação à época em que se coloca a pessoa que fala:
    • Bons tempos, esses que já se vão.
    • Esse ano que passou foi ótimo.

Aquele, aquela e aquilo

Os demonstrativos aquele, aquela e aquilo denotam:

  • o que está afastado tanta da pessoa que fala como da pessoa a quem se fala:
    • Olhem aquele monte ali em frente.
    • Ali naquela casa viveram os meus avós.
  • um afastamento no tempo de modo vago, ou uma época remota:
    • Naquele tempo, as crianças eram mais felizes.
    • Aquele dia que eu te conheci foi o melhor de todos.

Emprego dos demonstrativos no discurso

Os pronomes demonstrativos também são utilizados para situar as informações no discurso. Podem ser empregados para chamar a atenção sobre aquilo que ainda será dito ou para retomar algo dito anteriormente:

Este (esta, isto)

Os demonstrativos este, esta e isto são as formas utilizadas para chamar a atenção sobre aquilo que dissemos ou que vamos dizer:

  • Eu disse que não gostava mais do curso que fazia. E, dizendo isto, decidi desistir de tudo.
  • Minha tristeza é esta
    A das coisas reais.
    ” (Fernando Pessoa)

Esse (essa, isso)

Os pronomes demonstrativos esse, essa e isso são utilizados para aludir a algo antes mencionado. Também é empregado para fazer referência ao que foi dito pelo interlocutor:

  • Não tenho dormido bem, isso está acabando com a minha saúde.
  • Sua participação nas palestras de amanhã, é isso que desejamos.