Grau diminutivo dos substantivos

Os substantivos podem se apresentar em três graus: normal, aumentativo e diminutivo. O grau é utilizado para intensificar ou atenuar a significação de um substantivo. No caso do grau diminutivo, a função é a de atenuar e valorizar afetivamente a significação da palavra.

Flexão de grauExemploSignificado
grau normalbocatamanho normal
grau aumentativobocarratamanho aumentado
grau diminutivoboquinhatamanho diminuído

Formação do grau diminutivo

O grau dos substantivos, seja ele o diminutivo ou o aumentativo, é formado de duas maneiras: sinteticamente ou analiticamente.

  • Processo sintético: junta-se um sufixo que indica diminuição à palavra no grau normal.
  • Processo analítico: utiliza-se um adjetivo que indique diminuição.

Exemplos

Grau normal: chapéu
Grau diminutivo sintético: chapeuzinho
Grau diminutivo analítico: chapéu pequeno

Sufixos aumentativos

Quando o grau diminutivo é formado pelo processo sintético utilizamos, principalmente, os sufixos:

  • inho/a: casinha;
  • zinho/a: animalzinho;
  • ino/a: cravina;
  • acho/a: riacho;
  • icho/a: barbicha;
  • ebre: casebre;
  • ejo: vilarejo;
  • ito/a: senhorita;
  • isco: chuviso;

Valor das formas diminutivas

O que a gramática normativa denomina de aumentativo e diminutivo nem sempre indicam apenas o aumento ou a diminuição do tamanho de um ser. Geralmente, essas noções referentes aos tamanhos, são expressas pelas formas analíticas, especialmente pelos adjetivos grande e pequeno, ou sinônimos, que acompanham o substantivo.

Os sufixos diminutivos empregam aos substantivos a ideia de afetividade. Geralmente, aquele que usa termos no diminutivo põe a linguagem afetiva no primeiro plano. O enunciador (aquele que fala ou escreve) não quer simplesmente comunicar ideias ou reflexões, deseja exprimir, de modo espontâneo e impulsivo, o que sente, o que o comove ou impressiona – quer seja carinho, saudade desejo, prazer, etc. Assim, se encontra no sufixo diminutivo um meio estilístico que torna a expressão mais flexível e amável. Em algumas situações também pode exprimir desprezo.

Exemplos com substantivos no grau diminutivo

  • Você é um amorzinho. (carinho)
  • Você sempre será o bebezinho do meu coração. (carinho)
  • Ela é uma criança muito educadinha.
  • Você pensa ser importante, mas não passa de uma pessoinha sem valor. (desprezo)